PORTIFÓLIO ATUALIZADO

AMAZONA TATTOO

Minha foto
Rua Araguari, 525 lj 20,em frente a Loja do Cruzeiro no city Shopping TEL: 33172539. E-MAIL aamazonatattoo@yahoo.com.br FACEBOOK: benaia.amazonatatuadora@facebook.com

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

TATTOO - Como tudo começou



Diz à lenda que a tatuagem segue a linha evolutiva do homo sapiens, desde sua época primitiva, nas cavernas, esses homens se orgulhavam das cicatrizes propositais que traziam e a contemplavam como um marco do crescimento (passando para fase adulta ou tornando-se um guerreiro, por exemplo) e sinônimo de coragem ou mesmo aqui no Brasil, onde os primitivos já cultuavam o ato de tingir o corpo como forma de adorno.

E agora a tattoo está crescendo, quebrando preconceitos e ganhando espaço, não só entre os jovens, mas em todas as faixas-etárias, tribos e classes sociais.

Não se sabe ao certo de onde a tattoo veio, ou onde vai parar. O importante é que ela existe e a sociedade está cada vez mais apaixonada por essa nova forma de arte. Nesta seção você ficará por dentro de toda a história da tatuagem registrada até hoje. Origem, provas arqueológicas e tudo o que é necessário saber sobre O HISTÓRICO DA TATTOO.


Origem



Ninguém sabe realmente de onde a tatoo surgiu, mas a TBM vai te ajudar a desmistificar esse assunto.

Dizem que surgiu em vários lugares ao mesmo tempo e que a idéia se espalhou, tipo nômade, mas sabe-se que foi usada de diversas maneiras, como marcos de crescimento, social e religioso. E por mais incrível que possa parecer, como forma de medicina por curandeiros de algumas tribos.
No entanto, diz uma lenda também que a tatuagem seguiu a linha evolutiva do homo sapiens. Os primitivos nas cavernas, nossos queridos “uga-uga”, se orgulhavam das cicatrizes propositais que traziam e a contemplavam como um marco do crescimento para a fase adulta ou tornando-se um guerreiro, e sinônimo de coragem. Ou mesmo aqui no Brasil, onde os primitivos já cultuavam o ato de tingir o corpo como forma de adorno. Enfim, descobrimos relatos que o homem que inventou a palavra tattoo foi o James Cook, um navegador inglês, pioneiro da exploração do Oceano Pacífico, que ao desembarcar com sua tripulação no Taiti, nas Ilhas da Polinésia, encontrou nativos com desenhos pelo corpo no lugar de roupas. No diário de bordo, escreveu que os nativos injetavam tinta preta dentro da pele que ficavam marcadas para sempre e eles tinham isso como um motivo de grande orgulho.

Os nativos da Polinésia, Filipinas, Indonésia e Nova Zelândia (maori), tatuavam-se em rituais complexos, sempre ligados à religião. Os maoris se destacaram pela criatividade do Moko, tatuagem tradicional feita no rosto.
Tatu, no idioma do Taiti, significa "desenho no corpo". Daí surgiu a palavra em português: Tatuagem. Em seus relatos registrados no diário de bordo, Cook escreveu que os nativos injetavam tinta preta dentro da pele que ficavam marcadas para sempre e eles tinham isso como um motivo de grande orgulho. O homem que “descobriu” a tatuagem foi James Cook, que alias também descobriu o surf (Será por isso que a tattoo e o surf estão tão ligados?). Ele desembarcou em uma ilha (a qual não se sabe ao certo onde foi) e deparou com os nativos usando desenhos no corpo no lugar de roupas. Então James, para descrever sua descoberta, escreveu em seu diário de bordo a palavra tattow (Ou tatau que representa o som feito durante o ato de tatuar). Essas tattos eram feitas com agulhas eram na verdade ossos bem finos, e introduziam a tinta na pele com a ajuda de um “martelo” (ou algo parecido).



FONTE




Como funciona uma cobertura

Muita gente tem tatuagens feias, com cores desbotadas ou formatos indesejáveis. Desenhos antiestéticos, nomes de namorados, coisas do passado que não trazem boas lembranças ou simplesmente algum desenho que não tem mais nada a ver com o modo de vida atual.


Vamos entender como funciona uma cobertura:




Primeiramente entenda que o pigmento que foi aplicado na sua tatuagem antiga, encontra-se dentro de células vivas, não podendo ser removido, a não ser provocando a morte destas células ou removendo as mesmas.

Sabendo disso, é bom frisar que pigmento escuro não pode ser coberto por pigmento claro, visto que um será aplicado sobre o outro, e não em sua substituição.

Estudos mostram que as células que abrigam as partículas de tinta das tatuagens, mudam de lugar, em decorrência do tempo que se passa desde a aplicação do pigmento.

  • Inicialmente, as partículas de tinta são encontradas dentro de grandes fagossomos no citoplasma dos queratinócitos e fagócitos, incluindo fibroblastos, macrófagos e mastócitos.
  • Após 1 mês, a membrana basal está sendo formada novamente e estão presentes agregados de partículas de tinta no interior das células basais. Na derme, fagócitos contendo tinta concentram-se ao longo da borda dermoepidérmica abaixo de uma camada de tecido de granulação firmemente cercada por colágeno.Não se vê pigmento no interior dos mastócitos, das células endoteliais, nas células de Schwann, na luz dos vasos sangüíneos e linfáticos ou extracelularmente. Após 1 mês, a eliminação transepidérmica de partículas de tinta através da epiderme ainda está em andamento, estando as partículas de tinta presentes nos queratinócitos, macrófagos e fibroblastos.O restabelecimento de membrana basal intacta impede maior perda transepidérmica.


  • Nas biópsias feitas 2 a 3 meses e 40 anos depois, as partículas de tinta são encontradas somente nos fibroblastos da derme, predominantemente numa localização perivascular abaixo da camada de fibrose, que substituiu o tecido de granulação.

Outro fato a ser observado em uma cobertura, é que, após a pigmentação inicial, ou primeira sessão, durante o processo de cicatrização, a camada germinativa da pele produz novas células que empurram as células contendo o pigmento anterior para as camadas mais superficiais, fazendo com que a tinta antiga reapareça.




Por este motivo, geralmente é necessário reaplicar pigmento após 60 dias, que é o período em que a atividade celular ainda é importante no local da aplicação de pigmento.




Portanto, para fazer uma cobertura e obter bons resultados é necessário:




1 - Um estudo do desenho que se encontra na pele. Geralmente uma nova tatuagem a ser feita em cima de outro desenho, tende a ser mais escura e maior.




2 - Um estudo das cores utilizadas no desenho, considerando inclusive qualquer reação que tenha ocorrido durante a cicatrização desta tatuagem antiga e observando que em caso de ter havido reação alérgica ao pigmento antigo, no momento da cicatrização, é provável que ela se repita.O motivo é que quando aplicamos um pigmento novo, interagimos com as células que guardam o pigmento antigo e é possível que ele seja liberado de dentro da célula, voltando a interagir com o organismo.

3 - Uma boa aplicação de cores vivas, evitando sombras com pigmento preto, sempre que possível.

4 - Acompanhar a cicatrização, marcando retornos com 30 e 60 dias, para avaliação de possível retoque.



No caso de retoques de coberturas, há uma pequena taxa, porque a necessidade de retoque sedá, não por imperícia do tatuador, mas por conta dos processos naturais envolvidos na cicatrização.

Outras dicas:
  • Fotos, rostos, desenhos que exigem transparência ou tons de pele, não podem ser usados em cobertura.
  • Tatuagens em que a pele adquiriu uma textura com relevo ou depressões podem ter esse defeito corrigido. Para isso são necessárias sessões adicionais e este tipo de trabalho só pode ser executado por profissionais experientes.

fonte



Preço X Qualidade


Quanto vale a sua saúde?
Quanto vale a sua aparência?
Muitas pessoas que visitam nosso estúdio e consulta preços ficam intrigados pelo fato de um ou outro tatuador terem orçado o mesmo serviço com valores bem menores do que os nossos.
Segundo pesquiza realizada pelo SETAP_BR (sindicato da categoria), o preço de custo básico de uma tatuagem de 10X10 é de R$ 72,00. Isso inclui gastos com equipamentos e insumos de esterilização, tintas e agulhas descartáveis, e boa qualidade dos materiais empregados.
Sendo assim, como é possível que cobrem 30, 40 reais por uma tatuagem?
Pense bem: onde o tatuador está economizando?
Outro ponto a se pensar é que uma tatuagem mal feita pode sair bem mais cara.
Uma remoção não sai por menos de 1500 reais. Uma cobertura ou reforma custa pelo menos duas vezes mais do que a tatuagem original.
Se o tatuador economizou em biossegurança, um tratamento contra hepatite pode sair bem caro, ou pode custar uma vida...
Então, antes de pensar em preço, pense em qualidade. Tente equilibrar as duas coisas. Sua saúde não é produto de feira para ser alvo de pechincha.

Fonte

O Sol e a Tattoo





O sol pode acabar com as cores da sua tatuagem.
De nada adianta fazer uma tattoo num bom estúdio, com um excelente tatuador que usa as melhores tintas disponíveis no mercado e não seguir certas regras.

Entenda um pouco mais sobre a ação do sol sobre a tatuagem:

Após a aplicação do pigmento na pele, as partículas ainda estão "soltas" no tecido conjuntivo. O processo que faz as células incorporarem este pigmento e isolá-las leva cerca de dois meses. Este é o período mais crítico.

Primeiro porque uma cicatriz com esta idade tem a tendência a hiperpigmentar, caso seja exposta ao sol, segundo porque o pigmento será alvo desse excesso de melanina uma vez que não estará ainda isolado.

Uma tatuagem de dois meses ou menos pode ficar arruinada e irrecuperável, quando exposta ao sol.

Após esses dois´primeiros meses, a ação do sol ainda é prejudicial, tendendo a modificar a cor do pigmento por duas razões:

  • A melanina é produzida e secretada numa camada mais superficial do que a camada em que o pigmento fica alojado.
  • Alguns pigmentos são fotosensíveis.

Concluindo:

O ideal é evitar por completo a exposição ao sol nos dois primeiros meses de tatuagem e após este período usar protetor solar FPS 50, reaplicando conforme as instruções da embalagem do produto. Com isso as cores ficarão vivas por muito tempo.


O que é Tattoo?


Angelina Julie

A tatuagem (também referida como tattoo na sua forma em inglês) ou dermopigmentação ("dermo" = pele / "pigmentação" ato de pigmentar, ou colorir) é uma das formas de modificação do corpo mais conhecidas e cultuadas do mundo. Trata-se de um desenho permanente feito na pele humana que, tecnicamente, é uma aplicação subcutânea obtida através da introdução de pigmentos por agulhas, um procedimento que durante muitos séculos foi completamente irreversivel (embora dependendo do caso, mesmo as técnicas de remoção atuais possam deixar cicatrizes e variações de cor sobre a pele). A motivação para os cultuadores dessa arte é ser uma obra de arte viva, e temporal tanto quanto a vida.

Fonte
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...